Mães de primeira viagem

4 maneiras de acalmar o choro do bebê

Pais de primeira viagem, preparem-se: até a sexta semana de vida, os bebês costumam chorar a cada duas horas. Por isso, é preciso ter paciência e evitar o desespero.

+ Como entrar em forma depois da gravidez

+ Por que o primeiro trimestre de gestação é tão importante?

“O choro é a maneira que o bebê encontra para se expressar. Ele precisa comunicar as pessoas que precisa que alguém atenda às suas necessidades. Como ele não sabe falar, ele vai chorar”, explica Maria Cristina Senna Duarte, pediatra, membro da Sociedade Brasileira de Pediatria e diretora da Clínica Neovacinas. “Os pais não devem ter medo do choro porque isso é normal”, completa.

O bebê chora por quatro motivos: ele pode estar com fome, precisando de afeto e carinho, estar com sono ou estar com algum desconforto físico, o que pode significar alguma dor ou mesmo uma a fralda suja. “O primeiro passo é agir por exclusão. Isso significa que os pais devem checar as quatro opções para descobrir o que o seu filho está querendo dizer”, diz a pediatra.

choro bebe

O choro é a maneira que o bebê encontra para se expressar

No começo é difícil, mas a pediatra garante que os pais saberão identificar com facilidade o que cada tipo de choro quer dizer. “A criança têm diferentes tipos de choro e cada um deles representa uma das quatro alternativas. Com o tempo, os pais saberão identificar o que o bebê está querendo dizer com facilidade”, afirma Maria Cristina.

+ 5 receitas para fazer com as crianças

Um dos maiores erros dos pais de primeira viagem é ignorar o choro da criança por achar que ela está fazendo birra. “A criança chora porque precisa de algo. Ela não tem o aprendizado necessário para saber fazer birra. Ao ignorar o choro do bebê, os pais estão gerando muita angústia e frustração e isso não será bom para o seu desenvolvimento”, conta a pediatra.

Para te ajudar a acalmar o pequeno durante os momentos de choro, a pediatra Maria Cristina indicou truques infalíveis. Veja:

  • Segure a criança no colo, balance o bebê e tente conversar com ele

Isso proporciona a sensação de segurança e é um ato capaz de demostrar carinho e amor. Estudos mostram que o balanço ativa o sistema nervoso para que o coração bata mais devagar e os músculos relaxem. Além disso, conversar com o bebê faz com que ele preste atenção em outra coisa e pare de chorar.

  • Dê um banho morno

Além de dar a sensação de aconchego, os banhos ajudam a diminuir algumas dores. Para descobrir a temperatura ideal, coloque a face interna do seu cotovelo na água e veja se a temperatura está agradável.

  • Apague as luzes do ambiente

Os bebês podem ser estimulados por barulhos e pela alta claridade. Isso pode fazer com que eles comecem a chorar. Como o ambiente uterino era escuro e calmo, ao desligar as luzes a abafar possíveis barulhos, o bebê se acalma por se sentir novamente no útero materno.

  • Coloque uma música clássica

Outra opção é colocar uma música clássica bem baixa no ambiente. Isso pode diminuir a irritabilidade do bebê e fazê-lo parar de chorar. A música tem o poder de acalmar o sistema nervoso.

Fotos: Thinkstock

Clique aqui para adicionar seu comentário

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Matérias Relacionadas

Baby ailing and lying measuring electric thermometer

Quando devo me preocupar com uma febre?

Camila Natalojunho 10, 2016
melhor idade para o primeiro smartphone

Qual é a melhor idade para o primeiro smartphone?

Camila Natalomaio 9, 2016
ilustracao gravidez capa

Ilustrações divertidas definem o que é estar grávida

Patricia Machadoabril 14, 2016
Principais sinais de que o bebê está para nascer

Está na hora? Conheça os principais sinais de que o bebê está para nascer

Camila Nataloabril 4, 2016
cheerful kid licking ice cream

Pais podem correr riscos ao compartilhar fotos dos filhos nas redes sociais

Pedrokacthborianmarço 29, 2016
pascoa

3 brincadeiras para animar a Páscoa

Patricia Machadomarço 24, 2016
exame ultrassom

Por que o primeiro trimestre de gestação é tão importante?

Patricia Machadomarço 21, 2016
mãos bebê dedos

Abortamento espontâneo: o que causa, como lidar e como evitar?

Patricia Machadomarço 17, 2016
receitas para crianças

5 receitas para fazer com as crianças

Patricia Machadomarço 15, 2016